MATRIX_F-Kopie.jpg

Análise FT-NIR On-line

O premiado espectrômetro MATRIX-F FT-NIR permite medição direta em reatores e tubulações de processo, permitindo um melhor entendimento e controle do processo.

  • Resultados exatos em linha em segundos 
  • Múltiplos componentes por medição
  • Análise não destrutiva
  • Multiplexador integrado de 6 portas como opcional
  • Transferência pela técnica direta
  • Projeto robusto
  • Conectividade Ethernet e protocolos de comunicação padrão

Solicite outras informações

FT-NIR em tempo real

É fato que a análise FT-NIR on-line e em tempo real apresenta diversas vantagens.

No entanto, os espectrômetros convencionais podem ser instalados somente próximos do processo que monitoram, expondo o analisador a ambientes agressivos, como extremos de temperatura e exposição à poeira e sujeira.

Além disso, o instrumento é instalado em áreas de difícil acesso e frequentemente classificadas.

Com o uso de tecnologia de fibra ótica, os pontos de medição de difícil acesso podem ser acessados por sondas de fibra ótica industriais endurecidas, ficando o MATRIX-F instalado em uma casa de analisadores.

A Bruker Optics oferece soluções completas para diversos serviços de análise on-line.

Máxima Utilidade

O MATRIX-F é o único espectrômetro FT-NIR que, em um único instrumento, oferece capacidade de medição com e sem contato com o material, com emprego de tecnologia de fibra óptica:

  • Sondas de Fibra Óptica: Podem ser adotadas sondas clássicas de reflexão difusa, transreflexão ou transmissão com diversos comprimentos de encaminhamento, bem como células de fluxo de processo ou conjuntos para plantas piloto. As sondas são disponibilizadas em diversos materiais, como aço inoxidável ou Hastelloy.
  • Cabeçotes para Medições sem Contato: O cabeçote de iluminação e detecção NIR por fibra ótica contém fontes de tungstênio que iluminam a amostra. A luz espalhada é então captada e conduzida por cabo de fibra óptica até o espectrômetro. Assim, a medição sem contato pode ser feita de forma remota, abrindo todo um leque de novas aplicações. Podem ser interligados até 6 cabeçotes a um mesmo espectrômetro MATRIX-F de emissão ou duplex.